Economia Mundial que Perpetua a Miséria

O texto a seguir não trata de fotografia – diretamente – mas me sinto comprometido a publicá-lo, pela amplitude que um blog deve ter e pelo que devemos considerar como voz que pode ecoar, em algum lugar, de alguma forma.

Como ele circula pela internet, outros blogs também devem tê-lo publicado. É atribuído ao diretor de criação e sócio da agência Bullet, Mentor Muniz Neto, e trata das muitas crises mundiais. O autor pode não ser ele, mas, e daí?

“Vou fazer um slideshow para você.
Está preparado? É comum, você já viu essas imagens antes.
Quem sabe até já se acostumou com elas.
Começa com aquelas crianças famintas da África.
Aquelas com os ossos visíveis por baixo da pele.
Aquelas com moscas nos olhos.
Os slides se sucedem.
Êxodos de populações inteiras.
Gente faminta.
Gente pobre.
Gente sem futuro.
Durante décadas, vimos essas imagens.
No Discovery Channel, na National Geographic, nos concursos de foto.
Algumas viraram até objetos de arte, em livros de fotógrafos renomados.
São imagens de miséria que comovem.
São imagens que criam plataformas de governo.
Criam ONGs.
Criam entidades.
Criam movimentos sociais.
A miséria pelo mundo, seja em Uganda ou no Ceará, na Índia ou em Bogotá sensibiliza.
Ano após ano, discutiu-se o que fazer.
Anos de pressão para sensibilizar uma infinidade de líderes que se sucederam nas nações mais poderosas do planeta.
Dizem que 40 bilhões de dólares seriam necessários para resolver o problema da fome no mundo.
Resolver, capicce?
Extinguir.
Não haveria mais nenhum menininho terrivelmente magro e sem futuro, em nenhum canto do planeta.
Não sei como calcularam este número.
Mas digamos que esteja subestimado.
Digamos que seja o dobro.
Ou o triplo.
Com 120 bilhões o mundo seria um lugar mais justo.
Não houve passeata, discurso político ou filosófico ou foto que sensibilizasse.
Não houve documentário, ong, lobby ou pressão que resolvesse.
Mas em uma semana, os mesmos líderes, as mesmas potências, tiraram da cartola 2.2 trilhões de dólares (700 bi nos EUA, 1.5 tri na Europa *) para salvar da fome quem já estava de barriga cheia.”

* Aos 2,2 trilhões de dolares deve ser somado o pacote lançado pela China em 10/11 de 586 bilhões de dolares.

Nos falamos a seguir.

Tags:

Uma resposta to “Economia Mundial que Perpetua a Miséria”

  1. Juliana Pires Says:

    Isso é de indignar qualquer um. Os líderes dos países mais poderosos do mundo têm sim condições de melhorar a vida de todas as pessoas que precisam mas, querem o dinheiro para eles, o dinheiro que é nosso e deveria ser usado conosco! Para salvar banqueiros temos dinheiro mas para matar a foma de milhares de pessoas nunca temos nada, que absurdo!

    Beijão!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: